23/11/2017 | 2h34m

Série A

Paixão Azurra: espiando o adversário e torcendo

Não vencemos nenhum confronto contra times do Paraná em 2017

Leo Munhoz / Diário Catarinense

Por Vinícius Serafin Bello (interinamente)

Não temos serviço de drones nos arredores do CT do Caju, mas precisamos ficar de olho no Atlético-PR. O time rubro-negro, que vem de triunfo diante do Vasco em Curitiba, ainda nutre esperanças de vaga no G-7. Para isso, precisaria vencer as duas últimas partidas e torcer por diversos resultados. Inconstância é a marca deles no Brasileiro: nos últimos cinco jogos, foram duas vitórias e três derrotas. Para domingo, contam com retorno do volante Esteban Pavez, mas têm indefinição quanto à presença de Nikão, Paulo André, Deivid e Jonathan, por desgaste.

Junior Dutra

No Avaí, a principal preocupação é a presença de Junior Dutra, substituído ainda no primeiro tempo no duelo contra o Palmeiras por problemas musculares.

Geninho 2018?

 Preferido de Francisco Battistotti, Geninho é o primeiro nome da lista para assumir o Avaí em 2018. O treinador, que conquistou o acesso em 2014, tem como exigência assumir o time somente a partir de janeiro, já que tem viagem familiar marcada. Lembremos que em 2015 retornou das férias uma semana depois do elenco, que fez parte da pré-temporada com o auxiliar Raul Cabral, e também “faltou” um jogo na Série B para ir ao casamento do filho. Comprometimento com o projeto deveria ser o primeiro requisito para assumir o Avaí.

Confira a tabela da Série A
Leia outras matérias sobre o Avaí
Fique ligado nas colunas anteriores da Paixão Azurra